as coisas esses dias (poesia 18)

meu sono anda inquieto, ainda mais que antes. fico pensando coisas. penso demais e nada faço. fazer, é tão desgastante fazer. minhas poesias andam me agradando mais, mas pode ser autoengano. todos os dias eu descubro um tempo melhor para se estar vivo, descubro um cadáver que gostaria de ter conhecido mais que a maioria dos vivos que me cercam – ou um fantasma -, me aflijo com a maneira como as coisas passam e não voltam mais e ficam presas no tempo feito objeto valioso de museu sob cortinas negras e densas e trancafiadas.

é tão injusto não escolher a época e as pessoas pelas quais sou ignorado. pode ser só arrogância. ando me sentindo arrogante. húbris, talvez. ando querendo ser arrogante, melhor dizendo. como se o que me bastasse para ser bom poeta fosse um nariz em pé e versos extravagantes e a eterna voz arrastada da inebriação e um tom abrasivo e ríspido – pratico com frequência essas características.

minhas raízes, antes tão bem fincadas, agora tremem de cansaço e tédio do solo em que se plantaram e tentam se desenterrar aos poucos e quando se livrarem vão correr em desesperado disparo em direção ao primeiro destino que as recebam.

quero me cercar de gente louca para explorar suas loucuras, mas todos ao meu redor parecem tão bem ajustados que posso ser o estranho do meu circo. se um a cada dez é neurótico e os nove ao meu redor são normais… – …que horripilante alívio é constatar tal fato.

decidi abraçar a insatisfação e os momentos de ansiedade quando meus químicos cerebrais parecem estar em desacordo, afinal, nasceram assim, que assim em paz fiquem. nada adianta me entupir de mais químicos para os regular. recuso todo químico que não álcool e nicotina e cafeína, sagrada trindade, e, noutra categoria, a literatura cumpre igual função, junto das outras artes que me distraem do real, ardil haja, contudo, neste acordo.

um dos meus pés está fora do chão e coçando para dar o próximo passo, falta a cabeça sobre o resto do corpo decidir qual ele será.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s